1.9.10

 

 

Há uns dias atrás houve uma feira medieval perto da zona de habitat ao fim de semana e lá fomos nós botar o olho na festividade. Ora aqueles eventos além dos comes e bebes também tem artesanato e outras actividades [minimamente relacionadas] como leitura de cartas e mãos [e deve ser também pés e coisas que tais].

 

A C. quer que lhe leiam as cartas há pra lá de muito tempo [talvez desde a adolescência] e desta vez não perdeu oportunidade, então foi mais a Ca. que também queria saber umas coisinhas. Enquanto elas estavam à espera da sua vez, eu a I. e o R. acabávamos de jantar e observávamos o que se passava nessa tenda, sempre com a pulga atrás da orelha porque nenhum de nós acredita nessas coisas. Comentávamos que tudo o que eles diziam [os bruxos ou lá como eles se chamam] era muito geral e que servia para toda a gente.

 

Passado um bocado vimos que havia uma caixa de onde algumas pessoas tiravam uns mini-saquinhos que depois abriam e o bruxo de serviço lá falava com elas em tom de muitíssima verdade.

Às tantas a I. diz Devíamos ir ver o preço dos saquinhos e a ver o que o gajo inventava, só mesmo para ver...

 

Eu sou extremamente céptica em relação a essas coisas, mas alinhámos os 3. Perguntei o preço, e por 1€ valia apena divirtirmo-nos um bocadito. Dou o euro ao bruxo e fiz algumas perguntas de esclarecimento, tipo tiramos um qualquer?, mas o que é que tá lá dentro?, mas temos que fazer uma pergunta?, tipo o quê?

A bruxa sai de lá de dentro onde estava a ler as cartas, vira-se para a minha pessoa e diz Tu deves ser carangueijo, com certeza...

 

Escusado será dizer que fiquei em pânico porque a criatura não falhou. Aquilo deu-me um certo medo, fiquei a olhá-la de uma maneira que só me apetecia fugir [e viva o exagero]. Parece que tinha alguma coisa para me provar tipo Tu oh parva que não acreditas nestas merdas, agora levas esta embrulhadinha e pouco barulho.

 

 

Talvez um dia deste acredite, mas confesso que me fez vacilar um pouquito, enfim...

Oh god, help me...

link do post Pra lá das 5, às 10:50  comentar

De Sorriso ツ a 1 de Setembro de 2010 às 17:57
hahahah
Tá boa...
E agora conto-te a minha experiência, também numa feira medieval.
Em vez de um saquinho, tirei uma pedrinha. Paguei um euro por ela. Não podia olhar para dentro do pote (ou diria caldeirão? - lol) e calhou-me uma pedra branca com uma lua desenhada. E com isso a "bruxinha" diz-me assim: 'tens que parar de pensar no passado. Esquece-o ou não serás feliz e nem farás os que te rodeiam felizes.' Mais ou menos isto. A mensagem era que devia deixar o passado onde está ou terei problemas e não viverei. E não é que isso me deixou a pensar? Porque a verdade é há coisas que aconteceram há uns anos atrás que ainda não consegui esquecer e isso tem-se reflectido no presente. E esta, hein?
No entanto, continuo céptica quanto a estas coisas...

Beijinhos

De Pra lá das 5 a 3 de Setembro de 2010 às 22:43
Txii realmente, isso daria que pensar quanto à veracidade da coisa, mas nesse caso nem era algo que tinhas presente no dia-a-dia mas que depois do que a bruxa disse foste 'buscar' os pensamentos...

Eu nunca mais vou na história de me 'meter' com os bruxos, ainda eles começam a falar da minha vida toda e depois é extremamente crítico =P

Beijinhos =)

 
mais sobre mim
Setembro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
15
17
18

19
23
24
25

26
29


Leitura do momento
comentários recentes
Muito, muito obrigada :DBeijinho
Muito obrigada :DBeijinho
Muitos, muitos parabéns! :) Beijinho especial ♥
Muitos parabéns minha linda:) pelos dois motivos.T...
Obrigada, vou dando notícias, ainda que com pouca ...
links
blogs SAPO
Protected by Copyscape Duplicate Content Software