13.6.11

Tumblr_lmqzucttsg1qzbagvo1_500_large

 

Adoro estas idas ao dentista. Já por várias vezes tenho falado nisto, mas é mesmo engraçado. Parece que já faço [quase] parte da mobília, tipo cliente da casa, como quem vai todos os dias pela manhã beber a bica curta no café da esquina. Ora vejamos:

- sou sempre, sempre a última 'cliente' do dia;

- a dona M.A. [recepcionista] liga-me sempre a dizer que está quase na minha vez;

- sou cumprimentada simpaticamente pela mesma com "então menina M. cá estamos outra vez, não é verdade?!";

- as assistentes dos outros médicos quando veem à porta chamar os seus pacientes e "Oláaaa menina... então está boa?";

- o médico tem sempre imensa conversa, principalmente quando estou de boca aberta e ele a tirar os elásticos;

- chego ao consultório digo que me apetece elásticos vermelhos e tanto o médico como a assistente correm as gavetas todas à procura de algum escondido porque na palete de cores de hoje não havia;

 

e outras coisas que de momento não se me ocorrem., mas acho graça, palavra que sim. Afinal de contas já lá vai um ano e qualquer coisinha que todos os meses lá vou [pelo menos] e ainda me falta mais um ano. Quando for tirar a artilharia devemos ir lanchar todos juntos, de certezinha.

 

Durante o próximo mês sou pink, mas contrariada, queria mesmo o vermelho... Um dia posto aqui a minha palete de cores...

 

 

P.S.: adoro esta imagem!!

 

link do post Pra lá das 5, às 23:15  ver comentários (6) comentar

18.4.11

 

Este ano a Páscoa vai ser mais triste... E eu que gosto tanto da bela da amêndoinha, ontem recebi o aviso que era melhor parar. Ao comer uma amêndoa, assim que estou em plena mastigação, a fofa entorta-me o arame do aparelho, mas deixou-me isto mesmo torto. Depois lá tive de andar com o dedo a tentar pôr o ferro no sítio, e não foi nada fácil...

 

E pronto, este ano não há amêndoas para ninguém [salvo seja]...

 

link do post Pra lá das 5, às 22:30  comentar

27.9.10

 

Estou com vontade de dizer 1500 palavrões de seguida [mas claro teria de repetir alguns, porque não sei assim tantos]. Dói-me tanto a boca que já não sei para que lado me vire. Chegou a hora de colocar o aparelho fixo nos dentes do maxilar inferior e nunca pensei que fosse tão custoso. Desde sábado que a minha alimentação é sopa, iogurtes, nestum e gelados [a parte dos gelados não me importo mas o resto começa a enjoar]. Quando pus o de cima não foi assim, foi muito mais fácil, para além de dois ou três dias depois já estar habituada. Parece-me que agora não vai ser assim, e para melhorar as coisas agora pareço aquelas criaturas com perturbações da linguagem. Tenho a boca toda f=&$/#@ dos ferros. Raio dos ferros.

 

Pronto e agora que já desabafei vou ali tomar um paracetamol a ver se isto acalma...

link do post Pra lá das 5, às 10:39  ver comentários (4) comentar

15.7.10

Ontem foi dia de dentista, nada marcado, isto porque uma das borrachinhas da minha ferradura saltou, e como saltou o ferro da braquete magoa o lábio.

O médico do aparelho só lá vai à clinica uma vez por mês, e as borrachas e afins ele é que leva.

 

Eu tenho um sorriso verde [at the moment] e não é que a querida da dentista só tinha branco e amarelo???

Assim de repente quando vi, até fiquei táquicárdica... com os elásticos todos verdes e depois lá mesmo num dos dentes da frentes, amarelo ou branco?? No way... não me apetecia fazer de bandeira do Brasil, nem ter pastilha elástica enfiada nos dentes...

 

Mas, às tantas, depois de eu estar quase a chorar da birra de não querer multicores, lá numa de grande simpatia, apareceu uma saquete com material verde, e pronto... foi uma birra que valeu muito apena.

 

Na próxima vez que trocar os elásticos tenho que pedir uns quantos para suplentes, é que todos os meses me saltam pecinhas...

link do post Pra lá das 5, às 11:27  comentar

28.3.10

 

Semelhanças são pura ilusão.

 

 

Ontem fui jantar com elas, e o tema foi A minha ferradura [não é que tenha sido o jantar todo a falar disso, só um bocadinho]. Pois que é verdade, ontem fui pôr aparelho. Já deveria ter sido há mais de dois anos, mas como o nosso país anda em velocidade cruzeiro [sim, faço parte do grupo de pessoas que está sempre a reclamar]e por questões burocráticas...

 

Aquilo foi muito rápido, meia hora e estava prontinha, e como é normal, agora parece que tenho uma coisa estranha na boca, mas adiante...

 

Divertimo-nos a 'gozar' com a minha nova aquisição, porque agora não consigo fazer o sorriso nº2, 3 e 4. Restam-me o 1 e o 5, ah e tenho um novo, o 6 que consiste em abrir ligeiramente a boca de forma a que pareça que os lábios estão agrafados com os ferros. Ou tudo ou nada. Então agora acham que tenho um sorriso à Patty. Confesso que não sabia muito bem que era a criatura mas bastou uma ajudinha no motor de busca e lá apareceu a coisa. Se fizer umas tranças e mudar a armação dos óculos, fico assim a modos que semelhante.

 

Decidi pôr uns elásticos azuis, achei que de discreto isto pouco tinha, então colori a boquinha. Um sorriso azulão em grande.

Isto é estranho [claro], nem consigo cuspir nem assobiar nem nada que me valha. Ao menos fome ainda não passei porque tenho conseguido comer o mesmo do costume. Ainda assim, só peço para não bater com a boca em lado nenhum, caso contrário vou ter uma big hemorragia [só digo disparates]. Acordar com os ferros colados à boca também é muito fantástico.

 

Mas isto são só devaneios de uma criatura demente, que espera adaptar-se o mais rápido possível...

link do post Pra lá das 5, às 14:14  ver comentários (4) comentar


 
mais sobre mim
Julho 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Leitura do momento
comentários recentes
Muito, muito obrigada :DBeijinho
Muito obrigada :DBeijinho
Muitos, muitos parabéns! :) Beijinho especial ♥
Muitos parabéns minha linda:) pelos dois motivos.T...
Obrigada, vou dando notícias, ainda que com pouca ...
links
blogs SAPO
Protected by Copyscape Duplicate Content Software