24.3.11

Tumblr_li810sa4g51qf3h94o1_500_large

 

Há precisamente 24 dias que não faço exercício físico. Primeiro porque estive adoentada e se fosse correr, com o frio, possivelmente ficava pior, depois porque estava/estou cheia de trabalhos para entregar e não dava muito jeito a quebra para a corrida, juntou-se a chuva. Ontem quando acabei de fazer o jantar já era um pouco tarde e pensei cá para mim, amanhã fazes o jantar um bocadinho mais cedo e como o trabalho para sexta já está orientado vais dar uma corridinha...

 

Então não é que esta tarde começou-se-me uma puta de uma dor na perna que me incomoda pra lá da conta... e a andar, pareço uma manca.

 

Isto dos pensamentos é lixado...

 

link do post Pra lá das 5, às 21:08  ver comentários (2) comentar

27.9.10

 

Estou com vontade de dizer 1500 palavrões de seguida [mas claro teria de repetir alguns, porque não sei assim tantos]. Dói-me tanto a boca que já não sei para que lado me vire. Chegou a hora de colocar o aparelho fixo nos dentes do maxilar inferior e nunca pensei que fosse tão custoso. Desde sábado que a minha alimentação é sopa, iogurtes, nestum e gelados [a parte dos gelados não me importo mas o resto começa a enjoar]. Quando pus o de cima não foi assim, foi muito mais fácil, para além de dois ou três dias depois já estar habituada. Parece-me que agora não vai ser assim, e para melhorar as coisas agora pareço aquelas criaturas com perturbações da linguagem. Tenho a boca toda f=&$/#@ dos ferros. Raio dos ferros.

 

Pronto e agora que já desabafei vou ali tomar um paracetamol a ver se isto acalma...

link do post Pra lá das 5, às 10:39  ver comentários (4) comentar

23.2.10

 

Hoje foi dia de limpeza de pele. Há imenso tempo que não o fazia.

 

Assim que cheguei lá cheguei, tive uns 10 minutos sentada à espera que a criatura que me ia espremer contasse as novidades à colega.

 

A parte que mais gosto daquilo tudo, é logo o inicio, onde metem na face cremes, esfoliantes, e uns sprays e mais não sei o quê. Depois fazem um género de massagem, metem umas toalhitas na cara, com as quais desconfio que fiquei assemelhada a uma múmia e fico em "banho maria".

 

A parte que mais me irrita: uma meia hora que fico com uns vapores na cara, uns algodões nos olhos e uma musiquinha que supostamente é relaxante... mas que me irrita profundamente, e nem de deixa dormir uns minutinhos.

 

A parte que mais odeio: quando começa o martírio. É certo que já sabia que este momento ia chegar, mas é sempre penoso. E espreme, e espeta uma agulha, e volta a espremer, e depois diz que está quase, e eu quase que a mando bugiar, porque não acredito. Depois passa para os lábios, e sinto os olhos a encher de água. Arrependo-me mil vezes por ter marcado aquilo. Por último vai ao nariz, e digo-lhe "Você tem o dom de me fazer chorar" (porque raramente choro) e ela "Ah, não se preocupe, que estou mesmo a acabar" e depois ri. Ainda penso "Ai minha grande vaca, se voltas e rir e não te despachas ainda te enfio uma chapada".

 

Depois vem uma parte mais serena, tipo acabamento, que se assemelha à primeira, mas com a diferença que tenho a cara feita num oito, parece que levei umas valentes bofetadas, e não dá gozo nenhum.

 

Assim que saí de lá só me ocorreu de que tão cedo não volto lá. A última vez que pensei assim, foi há mais de dois anos. Agora até que não me esqueça, e até que esta cara não volte ao normal (porque parece que vim da guerra) recuso-me a pensar ou recomendar limpezas de pele.   

link do post Pra lá das 5, às 14:56  ver comentários (2) comentar


 
mais sobre mim
Julho 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Leitura do momento
comentários recentes
Muito, muito obrigada :DBeijinho
Muito obrigada :DBeijinho
Muitos, muitos parabéns! :) Beijinho especial ♥
Muitos parabéns minha linda:) pelos dois motivos.T...
Obrigada, vou dando notícias, ainda que com pouca ...
links
subscrever feeds
blogs SAPO
Protected by Copyscape Duplicate Content Software